A Voz da Rede

10 dicas de Luciano Pires para aproveitar o Facebook.

10 dicas para o Facebook10 dicas de Luciano Pires para aproveitar o Facebook.

Tem muito lixo no Facebook, mas também existem tesouros! Cabe a você selecionar aquilo que presta. Mas mais que isso: cabe a você escolher um comportamento construtivo que instigue os debates e não os conflitos. Com minha atividade criando conteúdo e navegando pelo Face, além de observar atentamente o comportamento das pessoas, aprendi algumas coisinhas.

O Face, como todos os meios de comunicação que usam a escrita, é terreno fértil para má interpretações. Nem todos escrevem bem, nem todos lêem bem, nem todos entendem o que lêem. Nesse contexto, discussões que poderiam ser ricas transformam-se em trocas de insultos nas quais todo mundo perde.

As dicas a seguir não tem qualquer pretensão científica, apenas apelam para o bom senso. Se você tiver mais dicas, por favor use os comentários!
Lá vão:

1. Quando for comentar um post, atenha-se ao tema principal dele. Não divague, não xingue, não traga um assunto que desfoque a discussão. Fiz um post falando do IPEA que trocou 65% por 26% e lá vem os comentários dizendo que "26% é muito". Essa não é a discussão do post!! A quantidade de comentários desfocados ou intencionalmente idiotas que destróem uma boa discussão, a desvirtuando ou transformando num conflito, é impressionante.

2. Cuidado com as conclusões que você tira ao ler um post. Elas são SUAS, não são do autor do post. Não queira acusar o autor por uma conclusão que você tirou. A quantidade de gente que interpreta um post, tira uma conclusão, atribui a conclusão ao autor do post e depois o ataca por causa da conclusão é gigantesca! Provavelmente o preconceituoso, o fascista, o coxinha, o machista é... Você.

3. Cuidado com as ironias do autor e com as suas. Grande parte das pessoas não compreende ironias, principalmente se não conhece bem o autor do texto ou do post. Antes de falar uma besteira, leia os comentários de outras pessoas! Fiz um post gozando os progressistas chamando-os de "progreçistas" e um monte de gente veio corrigir meu "erro".

4. Tenha em mente que quem é contra A não é necessariamente a favor de B. Quem desanca o PT não é obrigatoriamente a favor do PSDB, e vice-versa. Quem é contra o feminismo não é necessariamente machista. Quem confronta o gaysismo não é necessariamente homofóbico. Mas quem é contra a estupidez é sim a favor da polidez.

5. Não faça comentários tentando justificar um comportamento com base no comportamento de outros. Argumentos como "todo mundo faz", "meu adversário fazia e eu faço também", "o escândalo A é um horror mas tem que ver o escândalo B" são coisa de criança mimada ou de quem não tem argumentos. Ou de bandido que se justifica no banditismo dos outros.

6. Sempre, vou repetir SEMPRE clique nos links que complementam o post. Não dê opiniões sem verificar todos os dados que completam o argumento do post. O que tem de gente que dá opinião sem assistir os vídeos, ler as matérias ou ouvir os arquivos é impressionante. Comentários assim são vazios e a chance de passar por preconceituosos ou ignorantes é grande.

7. Respeite a opinião do outro, ele pode estar certo. Especialmente se vive num ambiente, classe, país ou contexto diferente do seu. E se ele ou ela estiver errado, você tem a chance de educá-lo (a).

8. Cuidado com os "kkkkkkk", "tsc tsc", "só que não", "não li, mas...". Eles passam a impressão de arrogância e transformam debates em conflitos.
9. Escreva um português decente. Um monte de gente verá que você não sabe a diferença entre "mas" e "mais", "posar" e "pousar", etc. Esses erros não significam que você é má pessoa ou está errado, mas começam a demostrar seus cuidados e escolhas. Escreva no word e use o corretor antes de publicar a cagada.

10. Quando encontrar um post legal, COMPARTILHE!


Fonte: www.facebook.com/lucianopires
link da nota: https://www.facebook.com/luciano.pires/posts/302957709858444

 

 

Visite a coluna Café Brasil

 

 

Add a comment

Assine Nossa Newsletter

Seu Email:

Seu Nome:


Quem Curti o ParnaíbaWEB

Login

copyright © 2007 - 2013 - www.parnaibaweb.com.br